Saiba quem serão os jurados do Carnaval Virtual 2020

Com o primeiro dia de desfiles do Acessso do Carnaval Virtual da LIESV ocorrendo nesta noite, está na hora de conhecer os jurados que irão julgar os desfiles do grupo e também do Especial, na próxima semana. Confiram os nomes:

ALEGORIAS

ÍTALO VIGGIANI (ESPECIAL E ACESSO) – Ítalo Viggiani é aderecista e projetista de escola de samba no Rio e São Paulo, bem como professor de Ética e Cidadania. Formado em Alegorias e Adereços pela LIESA, Ítalo também tem curso superior em Produção Cultural pelo IFRJ e de Alegorias e Fantasias. Trabalhou como aderecista na Mangueira, São Clemente,  Caprichosos de Pilares, Grande Rio e Beija Flor e seu último trabalho foi no Salgueiro e é um grande apaixonado pela cultura brasileira e em especial o Carnaval. Julgou em 2017, 2018 e 2019 Alegorias pela LIESV indo para seu quarto ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/italo.viggiane

https://www.instagram.com/viggianiitalo/

BRUNO MALTA (ACESSO) – Bruno Malta é publicitário de formação desde 2016 (FMU) e está se graduando desde 2019 em Jornalismo (Uninove). Também é um amante do Carnaval desde 2002, acompanha da pista os desfiles de São Paulo desde 2018 e do Rio de Janeiro desde 2020. Escreve no site Sambario, os comentários sobre os sambas-enredo desde 2016. É um pesquisador da folia e participou com sucesso de conteúdos carnavalescos no Sambario (Século XXI em Revista) e no podcast Trintou sobre os desfiles do Carnaval de São Paulo nos últimos trinta anos.

https://www.facebook.com/Bruno.Malta07

ttps://www.instagram.com/brunomalta95/

THIAGO LACERDA (ESPECIAL E ACESSO) – Thiago Lacerda é professor de história graduado na PUC-RJ. Trabalha na Rede Municipal de Ensino de Araruama e na FAETEC-RJ e é Mestre em história também na PUC-RJ. No carnaval tem participação como coordenador do Sambanet desde 2001. Já foi julgador de alegorias nos Grupos de Acesso do Rio (2011 e 2012) e no desfile do Grupo Especial de Porto Alegre (2014, 2015 e 2016) e Uruguaiana – RS (2011, 2012 e 2013). Em 2016 julgou enredo no Grupo E e também nos desfiles das escolas mirins – (entre 2013 e 2016). No Carnaval Virtual foi julgador de Enredo no Grupo de Avaliação da Virtua Folia. Julgou em 2017, 2018 e 2019 Alegorias pela LIESV indo para seu quarto ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/thiago.lacerda.125

https://www.instagram.com/thiagolacerdas/

CAROLINA TARIF (ESPECIAL) – Carolina Tarif é farmacêutica-bioquímica formada pela Universidade de São Paulo – USP. No carnaval, foi diretora do departamento de Alegoria da Unidos de Vila Maria, durante 7 anos (2011 a 2017), sendo responsável por destaques e composições da escola, montagem das plantas baixas e alocação dos componentes dos carros alegóricos na avenida. Todos esses anos, acompanhou ativamente todas as atividades relacionadas ao projeto de alegorias no barracão da escola, desde a concepção inicial  até a montagem final na concentração, auxiliando em todas as etapas. Além disso, já atuou no departamento cultural  e participou ativamente na elaboração da pasta dos jurados (todos os quesitos) da escola para a LIGA/SP,  em 2017. Julgou em 2017, 2018 e 2019 Alegorias pela LIESV indo para seu quarto ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/carolina.tarif.3

https://www.instagram.com/caroltarif/

FÁBIO GOUVEIA (ESPECIAL) – Fábio Gouveia é artista plástico, cenógrafo formado pela escola Panamericana de artes e JC Seroni. Profissional, artesão do Carnaval de 2000 atuando em agremiações como: Nenê de Vila Matilde, Vai Vai, Mocidade Alegre, Unidos de Vila Maria, Império de Casa Verde, contribuindo como aderecistas e também croquis e plantas para projeto de Carnavalescos. Desde 2005 assinando carnavais no grande ABC conquistando títulos. Na grande São Paulo Paulo assinou desfiles desde 2010, sendo os seguintes projetos: Colorado do Brás 2010; Campeão pela Comissão de Carnaval Nenê de Vila Matilde 2012; Tricampeão pela Independente Tricolor; Diretor de Carnaval e Carnavalesco 2015 Imperador do Ipiranga; Carnavalesco Imperador do Ipiranga de 2016 e 2019. Comissão de Carnaval Independente Tricolor 2017; Carnavalesco Unidos de São Lucas 2017; Carnavalesco Brasil-Santos 2018 e 2020; Carnavalesco Mãos Entrelaçadas Santos 2019; Carnavalesco Independente Tricolor 2020; Atualmente Ministra o Curso de Cenografia, Figurinos e Adereços na fábrica de artes em Mauá.

https://www.facebook.com/fabio.gouveia.56

https://www.instagram.com/_fabiogouveia/

FÁBIO CARROMEU (ACESSO) – Fábio Carromeu tem 34 anos e é produtor de eventos e formado em Turismo. Atuou por 23 anos na Escola de Samba Mocidade Alegre de São Paulo, na escola foi Ritmista, Presidente do Departamento Jovem, Diretor da ala das Baianas, Diretor de Harmonia e membro da Direção de Carnaval. Trabalhou ativamente na parte administrativa do barracão por 10 anos, atuando nas funções diretamente com o carnavalesco, efetuando compras de materiais, controle de almoxarifado, controle de equipes e logística. Como membro da direção de carnaval participava das decisões de todos os detalhes e estrutura de um desfile. Nos últimos 02 anos, colaborou com a Escola de Samba Pérola Negra como coordenador da Comissão de Frente.

https://www.facebook.com/fabio.carromeu.7

https://www.instagram.com/fabiocarromeu/

CONJUNTO

IRÍDIO SÉRGIO (ESPECIAL E ACESSO) – Irídio Sérgio Cordeiro é Advogado, entusiasta, colecionador, pesquisador de carnaval, componente da Beija-Flor de Nilópolis. Estreou como julgador no Carnaval Virtual da LIESV em 2007, ao ser aprovado em primeiro lugar na seleção para Julgadores daquele carnaval. Desde então, são mais de 13 anos consecutivos acompanhando e admirando todo o trabalho da LIESV e sendo ano após ano aprovado sem ressalvas por todas as escolas filiadas a LIESV.

https://www.facebook.com/iridio.sergio

VÍVIAN CAROLINE PEREIRA (ESPECIAL E ACESSO) – Vívian Caroline Pereira é pós-graduanda em Divulgação Científica e em Educação das Relações Étnico-raciais. É membro do Quilombo do Samba grupo de estudo, pesquisa e mídia carnavalesca. Pesquisa o carnaval das escolas de samba como divulgador de ciência e os enredos de escola de samba como instrumento pra ensino de história e cultura africana e afro-brasileira. Graduada em Biologia, é professora de ciências na educação básica.

https://www.facebook.com/profile.php?id=100001128240507

https://www.instagram.com/vivi_pereiras/

MARCELO CAMÕES (ESPECIAL E ACESSO) – Marcelo Camões é Analista de Logística. No carnaval, faz parte da equipe de coordenação do Prêmio S@mba-Net desde 2013. Já foi diretor cultural da Viradouro, além de ritmista e Harmonia. Também foi compositor da Acadêmicos do Cubango. É co-autor do livro “As titias da folia – o brilho maduro de escolas de samba de alta idade”, da editora NovaTerra, lançado em 2014. Foi julgador dos desfiles das escola de samba da AESCRJ, na Estrada Intendente Magalhães, em 2012. No carnaval virtual, foi criador e presidente da escola Corações Unidos (C.U.) que participou dos desfiles da LIESV em 2005 e 2006 e posteriormente da Virtuafolia. Julgou 2018 e 2019 o quesito Conjunto, seguindo para seu terceiro ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/profile.php?id=100001466647564

https://www.instagram.com/marcelocamoes/

LÉO PRADO (ESPECIAL E ACESSO) – Leandro Lemes do Prado, 45 anos, natural de Santiago e residente em Porto Alegre desde 2004. Possui graduação em Letras-Português-inglês e respectivas Literaturas pela UFSM; Mestrado em Letras pela UFSM – Linha de pesquisa Análise Crítica do Discurso e Análise de Gêneros Textuais. Doutor em Letras pela PUCRS – Linha de pesquisa Psicolinguística; Teatro Bacharelado pela UFRGS (em andamento) – Direção cênica; Professor de Português e Inglês no IFRS – Campus Viamão. Atuou como Coordenador do GECenA – Grupo de Experimentação Cênica e Artística; Pesquisador em Psicolinguística e Processamento da Compreensão da Leitora; Professor de Inglês – Go Ahead School; Professor de Inglês – Rede Estadual de Ensino do Estado do Rio Grande do Sul; Membro de banca de concurso e recursos – Legalle; Avaliador de projetos de pesquisa do IFRS; Escritor – obras publicadas: “Mulheres inevitáveis” e “Só o mar é azul”; Jurado de carnaval da Associação de jurados de Porto Alegre desde 2006: avaliador dos quesitos Enredo, Comissão de Frente e Conjunto em municípios do RS, SC e Uruguai; Jurado de Carnaval da Liga Independente da Escolas de Samba do Habbo – LIESH: avaliador dos quesitos enredo, samba enredo, evolução, comissão de frente, fantasias, alegorias e conjunto.

https://www.facebook.com/professorleoprado/

https://www.instagram.com/professorleoprado/

ENREDO

RAFAEL DOS SANTOS MOREIRA (ESPECIAL E ACESSO) – Rafael Moreira é bacharelando em Ciências Sociais/UFRJ, faz parte do Observatório de Carnaval ligado ao Laboratório de Estudos do Discurso, Imagem e Som do Museu Nacional/UFRJ. É autor de análises na graduação de elementos estéticos de desfiles específicos e conceitos imagéticos por parte de fantasias e alegorias. No curso, se interessa pelas áreas de Antropologia Cultural, Sociologia da Cultura e estudos do Carnaval. No Carnaval, se identifica com as questões imagéticas e narrativas das Escolas de Samba e seus processos de criação, onde significados são construídos a partir dessa relação audiovisual, além das trajetórias de componentes e profissionais do Carnaval. Julgou 2018 e 2019 o quesito enredo, indo para seu terceiro ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/Rafaelmoreirabr

https://www.instagram.com/rafaelmoreirabr/

RENNAN CARMO (ESPECIAL) – Rennan Carmo é historiador da arte formado pela Escola de Belas Artes da UFRJ e pesquisa as representações afrocêntricas e suas narrativas colocadas nos desfiles de carnaval das escolas de samba do Rio de Janeiro. É membro orientador do Observatório de Carnaval da UFRJ  – OBCAR  –, contribuindo na linha de pesquisa Macumbarias, Afrorreligiosidades e Negritudes. É também filho da casa de candomblé Xwè Kplé Núnyá Àyixósú e, a partir dessa relação de pertença, observa os modos de artialização das macumbarias Jeje Mahi, sobretudo o legado cultural dos povos Ewè-Fon. Com isso, propõe reflexão acerca do fenômeno da Nagotização que, através de epistemicídios estruturais, tende a construir uma identidade genérica sobre as culturas pretas, concentradas majoritariamente numa matriz Yorubá. Atualmente trabalha como assistente da Curadoria Pedagógica no Museu Bispo do Rosario Arte Contemporânea. Julgou em 2019 o quesito Fantasias na LIESV, solicitando para 2020 a mudança para o quesito enredo.

https://www.facebook.com/carmo.rennan

https://www.instagram.com/carmo_rennan/

FERNANDO FONSECA (ESPECIAL E ACESSO) – Fernando Fonseca é jornalista, escritor, especialista em Comunicação Empresarial e Comunicação Educacional. Premiado na categoria “Conto – Nacional” no Festival Literário de Paranavaí – FEMUP 2016, com o conto “Teobaldo e a Morte”. Graduando do curso de Licenciatura em História pela UEM-PR, onde tem apresentado trabalhos sobre História Cultural, Folclore e Religiosidade. Já atuou como jurado da LIESV em 2014, 2015 e 2019 no quesito enredo, o qual vai para seu quarto ano agora em 2020.

www.facebook.com.br/nandofonseca84

www.instagram.com/nandofonseca84

CHRISTIAN FONSECA (ACESSO) – Christian Fonseca possui mestrado em História pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) com estudos voltados para a área do carnaval do Rio de Janeiro. Autor do livro “DÁ PARA RIR, CHORAR E SONHAR: A Redemocratização do Brasil através dos sambas-enredo do Rio de Janeiro (década de 1980)”, no ano de 2018. Ao lado de Fernando Constâncio, foi carnavalesco da escola de samba de Florianópolis, Jardim das Palmeiras, nos anos de 2019 e 2020. Desenvolveu enredos como às águas de Florianópolis e a história de Liberata. No VirtuaFolia atuou como jurado do quesito enredo. Na LIESV julgou enredo em 2019 e vai para seu segundo ano julgando este quesito em 2020.

https://www.facebook.com/christian.fonseca.14?ref=bookmarks

FLÁVIO ISMERIM (ESPECIAL E ACESSO) – Flávio Ismerim, 22 anos, Jornalismo/USP. É ritmista, diretor de bateria da Acadêmicos do Tucuruvi, redator no UOL e repórter da SASP, veículo especializado na cobertura do carnaval paulista. Herdou a paixão pela folia de momo da mãe e acompanha os desfiles de São Paulo e Rio de Janeiro desde 2008. Desfila como ritmista de chocalho desde 2017 (passando por escolas como Império de Casa Verde, Dragões da Real, Águia de Ouro e Colorado do Brás) e vai para o segundo desfile como diretor de chocalhos da Bateria do Zaca. No jornalismo, dedicou sua graduação a articular as narrativas do carnaval com o universo da comunicação e criou um modelo de veículo de imprensa para o carnaval. Hoje, integra a equipe da SASP e é responsável pela série Gente do Samba, que conta a história de personagens do samba paulistano que não estão nos principais holofotes.

https://www.facebook.com/FIsmerim

https://www.instagram.com/flavioismerim/

FANTASIAS

ADENIL SILVA (ACESSO) – Adenil Silva é pós-graduado em Figurino e Carnaval pela UVA, estudou na Escola de Carnaval Pimpolhos da Grande Rio, atuou como carnavalesco no Rio de Janeiro na Tradição em 2019 e 2020 (sendo campeão neste último) e no carnaval virtual como carnavalesco da Paraíso da Folia em 2017 e 2018, quando foi premiado com o Troféu Clara Nunes (melhor conjunto de fantasias, melhor carnavalesco e revelação do carnaval), além disso, foi figurinista e desenhista de agremiações da cidade de Três Rios e atuou também no Carnaval de Vitória, com a mesma função artística. Atualmente ocupa o cargo de Diretor Artístico da Acadêmicos da Abolição.

ALISSA DE SÁ (ESPECIAL E ACESSO) – Alissa de Sá é graduada em Letras-Português/Literaturas, coordenadora de projetos e pesquisadora-orientadora do Observatório de Carnaval da UFRJ. Paralelo a isso já atuou como professora de Literatura e Português em cursinhos de Pre-vestibular. Atualmente estuda as narrativas de negritude e afro-religiosidade presentes na escola Acadêmicos do Salgueiro. Julgou o quesito fantasias em 2019 pela LIESV e está indo para seu segundo ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/lissah.ds

https://www.instagram.com/alissadsa/

ANDERSON FERREIRA (ESPECIAL E ACESSO)  – Anderson Ferreira é ator, pesquisador, figurinista e contador de histórias. Mestrando em Artes da Cena pelo Programa de Pós-gradvuação em Artes da Universidade Federal de Minas Gerais pesquisa as relações entre manifestações performativas afro-brasileiras, principalmente o Teatro Negro e os Desfiles das Escolas de Samba, com textos publicados em livros,revistas e blogs. Ministra, em 2020, junto com mais dois docentes, a disciplina de Figurino do curso de graduação em Teatro da UFMG. Faz parte do Núcleo de Pesquisa e Experimentação em Cenografia e outras práticas espaciais cênico-performáticas (NUPECE). Possui Licenciatura em Teatro e Bacharelado em Interpretação Teatral pela mesma instituição. Integra a ficha técnica, como ator e figurinista, de diversos espetáculos, entre eles: “O grito do outro – O grito meu!” (2016) e “Ama” (2018), da Companhia Espaço Preto; “Abena” (2017), da Cia Bando; “Animalia” (2019) e “Abre Alas” (2019), junto com artistas independentes.

https://www.facebook.com/anderson.ferreira.790

https://instagram.com/andersonfnasc?igshid=1rsvg3uayno9v

ANA PAULA SIQUEIRA (ESPECIAL E ACESSO) – Ana Paula é natural de Niterói – RJ. Formada em Artes Visuais, pós-graduada em Docência do Ensino Superior e Docência do Ensino Fundamental e Médio. Sua linha de pesquisa é sobre o carnaval e visualidades das escolas de samba na avenida. Trabalhou no Centro de Artes Visuais da Fundação Nacional de Artes (Funarte) e trabalha no Carnaval Carioca com o quesito de Comissão de Frente (assistente do coreógrafo), com passagens por Porto da Pedra 2018 e 2019, Unidos da Tijuca 2020 e Acadêmicos do Sossego 2020. Julgou o Carnaval de Três Rios – RJ, quesito fantasias, fez parte do Juri da UESM, no mesmo quesito. Foi Jurada também de Quadrilha. Julgou em 2017 Fantasias pela LIESV indo para seu quarto ano neste quesito em 2020

https://www.facebook.com/anapaula.siqueira.1291

https://www.instagram.com/siqueiraap/

LUCAS MILATO (ESPECIAL) – Lucas Milato é arquiteto, tem 24 anos, iniciou na LIESV em 2010 e teve as seguintes passagens como assistente, desenhista e carnavalesco nas escolas de samba: Paraíso do Tuiuti 2010, Paraíso do Tuiuti 2011, Alegria da Zona Sul 2012, Jacarezinho 2012, Alegria da Zona Sul 2013 (Assistente do Carnavalesco Eduardo Gonçalves), Inocentes de Belford Roxo 2017 (Desenhista do Carnavalesco Wagner Gonçalves), Unidos de Padre Miguel 2018 (Equipe do Carnavalesco João Vitor), Unidos do Peruche 2018 e Dragões da Real 2019 (Arte finalista do Carnavalesco Mauro Quintaes), Acadêmicos da Abolição 2017 (Projeto e Enredo), Unidos da Ponte 2018, Sereno de Campo Grande 2019, Em Cima da Hora 2020, Unidos da Ponte 2020 e Inocentes de Belford Roxo 2021 (Carnavalesco).

https://www.facebook.com/lucasmilato21

HARMONIA MUSICAL

THIAGO CAMPOS NABUCO (ESPECIAL E ACESSO) – Thiago Campos cursando licenciatura em Letras/Literatura – UNIRIO. Se interessa em estudos e abordagens de literaturas em diversas perspectivas e narrativas e tempo. No âmbito carnavalesco, apresenta interesse na elaboração de enredos, a rotina das agremiações de menor expressão no carnaval carioca e o processo de formação cultural do carnaval no Rio de Janeiro atual. Tem como proposta de pesquisa: Memória e resistência das agremiações desfilantes na Intendente Magalhães. Nos anos de 2015 e foi colunista do site Ouro de Tolo, na coluna Carnavalizando, além de ser um dos fundadores, também exercendo a função de Diretor de Comunicação e Mídias da G.R.E.S Nação Insulana no mesmo ano e no Grupo E do Carnaval carioca em 2016, que alcançou a primeira colocação e o acesso ao Grupo D. Atualmente é desenvolvedor do site Olha a Crítica (www.carnavalizaomundo.com.br), no qual entrevista personalidades do mundo do samba, apura informações, elabora resenhas e notícias de âmbito carnavalesco. No ano de 2020, foi julgador do quesito samba enredo no carnaval de Campo Grande, Mato Grosso do Sul, e Niterói, nós grupos de avaliação, D e C. Julgou em 2018 e 2019 o quesito Harmonia Musical e está indo para seu terceiro ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/thiago.nabuco.5

https://www.instagram.com/nabucothiago/

RICHARD SANTOS (ESPECIAL E ACESSO)  – Richard Santos é bacharel e licenciado em Letras pela USP e Bacharel e licenciado em História pela UniAnhanguera. Possui pós graduação “stricto sensu”- Especialização em Docência no Ensino Superior e Antropologia, Especialização em Cinema e Audiovisual e pós graduando em Gestão da Educação Pública pela UNIFESP.  Desde a infância frequenta quadras de escola de samba paulistanas, alguns seus familiares estiveram na fundação do G.R.C.E.S. Nenê de Vila Matilde. Foi ritmista da ala de cuícas no final dos anos 1980 e início dos anos 1990. Músico e compositor de sambas, foi finalista em diversas escolas de samba da capital paulista e Baixada Santista, dentre as quais Barroca Zona Sul, Acadêmicos do Tatuapé, Unidos de São Miguel, Mocidade Robruense, Camisa Verde e Branco, União Imperial (Santos) .  É um dos compositores do samba da Mocidade Unida da Moóca  no ano de 2005 e da X-9 (Santos) no ano de 2018.  Além de sambas enredo tem outros sambas compostos já tendo trabalhos efetuados como músico, cavaquinista e violão, em grupos de samba e pagode. Julgou o quesito Harmonia Musical em 2019 e está indo para seu segundo ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/profile.php?id=100002648754508

https://www.instagram.com/rips100/

MÁRCIO ZUMA (ESPECIAL) – Marcio Zuma é natural do Rio de Janeiro, tendo começado a acompanhar o Carnaval na Sapucaí com 13 anos em 1990. Sempre foi um apaixonado por samba, onde começou a trabalhar com carnaval em 2001 no Arrastão de Cascadura como harmonia, seguindo pra Renascer de Jacarepaguá em 2004. Foi assessor de imprensa de diversas escolas como Arrastão, Renascer, Lins Imperial e Curicica. Tornou-se diretor de Carnaval da Associação das escolas de sambas do Rio de Janeiro, onde permaneceu por dois carnavais (2011 e 2012). É coordenador do sambanet desde 2006. Julgou em 2018 o quesito Harmonia Musical e em 2019 por problemas pessoais não pode julgar, retornando em 2020 para seu segundo ano neste quesito.

https://www.facebook.com/marcio.zuma

https://www.instagram.com/marciozuma/

RODRIGO ALVES (ESPECIAL E ACESSO) – Rodrigo Alves nasceu no Rio de Janeiro, em 1977, e cresceu no bairro de Copacabana. Acompanha o carnaval carioca e é amante do gênero samba enredo desde que se entende por gente. É compositor da São Clemente e já disputou samba na Vila Isabel, Império da Tijuca, Alegria da Zona Sul, Mocidade Unida do Santa Marta, Mancha Verde, Colorado do Brás, Tom Maior e Rosas de Ouro. É multi campeão em disputas de samba nos blocos da zona sul do Rio de Janeiro e é diretor musical e intérprete do G.R.S.C.B.C. Que Merda É Essa?!

https://www.facebook.com/rodrigo.goncalves.77964

SAMBA ENREDO

JULIO CÉSAR CASTILHO (ESPECIAL E ACESSO) – Júlio Cesar Castilho é nascido e criado no bairro do Limão, em SP, casa da Mocidade Alegre, escola a qual frequenta desde 1992. Ritmista da bateria ritmo puro da Mocidade desde 1996, foi comentarista oficial de samba enredo do Carnaval SRZD-SP de 2012 a 2016 e atualmente é comentarista de samba enredo do SASP. Como compositor é campeão de samba enredo na Tucuruvi 2014, 2015, 2019 e 2020, Mancha Verde 2015, Restinga-RS 2016, Rosas de Ouro 2017, 2018 e 2020,  Império de Casa Verde 2017, Morro da Casa Verde 2020 e União da Ilha da Magia 2020. Vai para seu quarto ano como jurado de Samba Enredo da LIESV. Julgou em 2016, 2017 e 2018 Samba Enredo pela LIESV indo para seu quarto ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/jccastilho

https://www.instagram.com/juliocastilho/

ESTEVAN TADEU AZEVEDO MAZZUIA (ESPECIAL E ACESSO) – Estevan Azevedo ou Tuta, como é conhecido, é bacharel e licenciado em Ciências Biológicas pela USP e bacharel em Direito pelo Centro Universitário Monte Serrat (Santos/SP). Realizou o Curso de Julgador ICACESP 2011 nos módulos música e visual, bem como o Curso de Avaliador UESP 2015 e 2016 no módulo dança. Tem vasta experiência como jurado, tendo julgado Samba Enredo (2011), Harmonia (2012) e Enredo (2014) no Carnaval de Santos/SP, Harmonia (2013) e Evolução (2014) no Carnaval de Vitória/ES, Samba Enredo (2013 a 2015) no Carnaval Virtual (Virtua Folia) e Samba Enredo (2016) no Grupo E do Carnaval do Rio de Janeiro (Intendente Magalhães). Tuta é compositor, tendo assinado vários sambas, dentre eles Mocidade Unida da Mooca 2005, Dragões do Raízes (Mongaguá/SP) 2009 e 2010, Mocidade São Miguel e Escola de Samba Guarujá 2016(Guarujá SP), Dragões do Castelo 2017 (Santos/SP), Mãos Entrelaçadas e X-9 2018 (Santos/SP). Foi ritmista em escolas de São Paulo (Acadêmicos do Tatuapé, Mocidade Unida da Mooca e Uirapuru da Mooca) e Intérprete na União dos Amigos Independentes (Itanhaém/SP) 2008 a 2010. Julgou em 2019 o quesito Samba Enredo indo para seu segundo ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/tutado.uirapuru

https://www.instagram.com/tuta_mazzuia/

TIAGO FREITAS (ESPECIAL E ACESSO) – Tiago Freitas é doutorando em Letras/Linguística pela UFRJ, Doutorando em História da Arte pela UERJ e Mestre em Letras. Pesquisa o Carnaval nos dois doutoramentos. É coordenador geral do Observatório de Carnaval/UFRJ e enfoca suas investigações em samba, discurso, texto, imagem e narratologia. É professor com graduação em Letras, especialização em Tecnologias e Educação a Distância, pela UNIMAUÁ de Ribeirão Preto/SP. Docência do Ensino Superior e Gestão de Marketing e Comunicação Integrada, ambas pela Universidade Cidade de São Paulo. Concluiu seu doutorando em linguística pela UFRJ, pesquisando Carnaval. Mestre em Letras. Atua como julgador no Carnaval UESM e LIESV. Julgou enredo em 2017 pela LIESV e seguiu para Samba Enredo em 2018 e 2019, indo para seu quarto ano de LIESV sendo o terceiro em Samba Enredo em 2020.

https://www.facebook.com/tiago.freitas.583

https://www.instagram.com/freitiago/

MATEUS PRANTO (ESPECIAL E ACESSO) – Mateus Pranto, 24 anos, Letras-Literaturas/UFRJ. É compositor, ritmista, diretor cultural da Lins Imperial e orientador-pesquisador do OBCAR/Labedis/MN/UFRJ. Como compositor, já venceu nas seguintes escolas: Estrelinha da Mocidade (2016 a 2019), no Aprendizes do Salgueiro (2019), na Infantes do Lins (2018 e 2019), na Mangueira do Amanhã – e Tamborim de Ouro do Jornal O Dia (2018), na Lins Imperial (2018 e 2020), na Imperadores do Sol (2018), no Unidos do Jacarezinho (2019), no Império Serrano (2020) e na Unidos de Padre Miguel (2021). Como ritmista, toca repique, na Renascer de Jacarepaguá, e chocalho, na Beija-Flor de Nilópolis. Como diretor cultural da Lins Imperial, é responsável pelo texto, pesquisa e desenvolvimento dos enredos de 2020 e 2021. Como orientador-pesquisador, atua na análise do discurso de sambas e de enredo e na interface entre Literaturas e escolas de samba. Julgou, em 2019, samba-enredo na LIESV e está indo para seu segundo ano neste quesito em 2020.

https://www.facebook.com/MateusPranto

https://www.instagram.com/mateus_pranto/

Comentários do Facebook