Cantando o ciclo do sambista, a Império da Zona Sul desfila a essência do Carnaval.

Mostrando os ciclos do sambista em uma escola de samba, a escola busca fazer um bom trabalho, em conversa com o presidente Márcio Silva, veja o que ele nos disse:

1 Porque a escola escolheu esse enredo?

A escola escolheu o enredo pois, queríamos contar a historia do samba de algum jeito, pois é o primeiro ano da escola, e o samba é a essência de todo desfile de escola de samba.

2 Como será desenvolvido na passarela João Jorge 30? ( Ficha técnica, alas, alegorias, casais e afins)

O enredo será desenvolvido em 4 setores que significam o ciclo do sambista dentro da uma escola de samba.

3 Qual a motivação da escola em busca do Título?

A motivação da escola pro titulo é pequena, pois o numero de escolas é enorme e muitas com muita experiencia no carnaval, mas vamos levar o melhor resultado pra zona sul.

4 O que os espectadores podem esperar da escola em 2020?

Pode esperar um enredo raiz, de boa assimilação e entendimento, e muito colorido.

Sinopse do desfile de estréia :

“O ciclo de um sambista”

florescer, frutificar, colher, lembrar

é a sequencia do ciclo de um sambista, dividida em quatro etapas.

No desabrochar, florescemos, colhemos o que semeamos, a bagagem, as experiencias e recordações principalmente o amor ao samba é o que levamos até o final.

O pavilhão da nossa escola é solo fértil, onde nasce o sambista, nasce a fina flor do samba, frutificamos os frutos onde os brotos florescem, os jovens nascem no berçário de bambas.

Os baluartes, nossa velha guarda são as mais profundas raízes do samba, onde colocamos lenha na lareira e ficamos a recordar de quem semeou e fez florescer os mais novos sambistas e a paixão do samba.

neste ciclo cheio de emoções, sentimento e amor, o samba não é deixado morrer, nunca morrerá a Império da zona sul vem contribuir e retratar esse ciclo de todo sambista.

Comentários do Facebook