A irreverência da Barra Funda Estação Primeira, está de volta.

Num desfile irreverente, Barra Funda Estação Primeira volta a LIESV com sua alegria e descontração de sempre. A escola busca se divertir passando uma mensagem séria, veja o que o presidente João Marcos nos disse sobre a volta da escola:

1- Porquê a escola escolheu esse enredo?

É um tema que mantém a irreverência da escola e se mostra atual, tendo em vista os problemas atuais do mundo. Mas faremos tudo com muito humor e leveza, mesmo tocando num assunto espinhoso.

2- Como será desenvolvido na passarela João Jorge 30? (Ficha técnica, alas, alegorias, casais e afins)

A escola virá pequena, quase tudo no mínimo, como geralmente sempre faço. Muita enrolação leva a muito erros.

3- Qual a motivação da escola em busca do título?

a ideia é participar, afinal é minha estreia como carnavalesco, e eu não sei desenhar e mal sei usar o Paint brush.

4- O que os espectadores podem esperar da escola em 2020?

Espero que vejam com sorriso no rosto, com diversão, porque certamente não será um desfile muito técnico.

5- Como será feita a escolha do samba?

Encomenda pro Meiners e o Morganti. Os nomes já justificam a escolha!

6- Considerações finais

Tem muita coisa pra falar não, a Barra Funda sempre foi uma escola diferente e vai continuar sendo, é o que vocês podem esperar.

A sinopse do Enredo:

COM PRETA GIL, A BARRA FUNDA AVISA: ESTÁ NA HORA DE PASSAR ALCOOL NA MÃO

A cena é simples: um casamento. Cantando para alegrar as pessoas, estava Preta Gil.

Mal sabiam os noivos, a cantora heroína e os convidados, que o mal se avizinhava – vindo de terras distante, um vilão estava chegando para trazer o mal para a população.

E aí uma grande batalha se realizou. Foram muitas guerras e lutas, cheias de bandidos escrotos, falsos mitos e situações surreais.

Em determinado momento, nada mais fazia sentido.

Só que foi descoberta a criptonita contra o grande vilão.

SIM, ERA O ÁLCOOL GEL.

Preta Gil, então, a grande heroína, sai de sua casa para levar álcool gel para o povo, distribuindo o antídoto contra o grande mal.

E é bom usar, caso contrário, aquela dancinha dos memes pode aparecer.

Comentários do Facebook