Conheça o enredo da Falando de Amor

A Falando de Amor lançou o seu enredo para o Grupo de Acesso A. A agremiação que fez a sua estréia no Carnaval Virtual no último ano vem com o enredo “Viva La Santa Muerte”. Conheça a sinopse e as regras do concurso abaixo.

G.R.E.V.E. FALANDO DE AMOR

“VIVA LA SANTA MUERTE”

CARNAVAL 2017 – GRUPO DE ACESSO A – LIESV

“Viva la Santa Muerte”! Venerada nos túmulos, a protetora dos homens nos levará a uma viagem inusitada ao México para conhecer o tradicional “Día de los Muertos”.

Quem nunca ouviu falar no tradicional festividade do dia de finados ou dia dos mortos celebrada nos dias 1 e 2 de novembro no México? Considerada a mais importante festa popular do país, essa tradição cultua de maneira alegre as almas dos parentes falecidos, que regressam ao convívio dos seus familiares para aproveitar as oferendas feitas.

A Origem

Sua origem remete aos rituais indígenas dos Astecas e Maias, entre outras civilizações pré-colombianas. Esses rituais de celebração aconteciam no mês de agosto do calendário solar azteca, ocasião em que se comemorava o nascimento das crianças e a morte e o renascimento dos antepassados. Também se realizavam sacrifícios para os deuses na busca da cura para os enfermos importantes das sociedades Astecas e Maias, como os sacerdotes e o próprio imperador.

O Sincretismo Religioso

O sincretismo religioso seria a marca do “día de los muertos”. Com a conquista da América pelos espanhóis, os jesuítas aproveitaram essas festividades consideradas pagãs para catequizar os índios e mudaram o calendário do ritual indígena para novembro, para que coincidisse com o tradicional “dia de todos os santos” do catolicismo, celebrado em 1º de novembro.

Alegria, festividade e adoração… Caveiras e doces

Qual a criança que não gosta de doces? Qual a criança que não gosta de se fantasiar de caveira ou de monstro? A proximidade com os Estados Unidos e com o dia 31 de outubro, data do halloween, fizeram com que esse “dia de todos os santos” agregasse características típicas dessa festa que encanta as crianças. Assim, as caveiras e os doces se misturam ao festival que ultrapassa os limites de celebração com os mortos tradicional, onde apenas se decoram os túmulos dos entes queridos com flores. O Día de los Muertos é muito mais, é alegria, é celebração, é festa!

Vamos celebrar com a Falando de Amor

Pois é! No carnaval de 2017 a “Poderosa de São Gonçalo” vai apresentar um pouco desse tema pouco conhecido dos brasileiros: o “Día de los Muertos”. Uma celebração que se originou com os povos pré-hispânicos, se mesclou aos costumes católicos dos colonizadores espanhóis e utilizou ainda traços da tradicional festa do haloween dos Estados Unidos. Como dizia o saudoso Paulo Baptista, o criador da nossa escola –  Vamos arrasar juntos nesta festa?

 

BIBLIOGRAFIA:

Livro Día de los Muertos, de Sérgio Aragonés, Editora Pandora Books, 2001

http://diadelosmuertos.yaia.com/historia.html

http://g1.globo.com/mundo/noticia/2013/11/dia-de-finados-no-mexico-leva-santa-morte-para-ruas.html

http://brasil.elpais.com/brasil/2014/11/01/sociedad/1414853802_175512.html

http://viagemeturismo.abril.com.br/materias/dia-dos-mortos-e-celebrado-com-festa-no-mexico/

http://lahistoriamexicana.mx/antiguo-mexico/cultura-maya

http://brasilescola.uol.com.br/historia-da-america/astecas2.htm

 

Regras do concurso:

– Os sambas podem ser feitos solo ou em parceria;

– Os sambas-enredo podem ser gravados com ou sem bateria;
– O áudio deve ser enviado em formato mp3 e a letra em Word;
– As obras devem ser enviadas para digestacio@hotmail.com  e para cesarmaia99@hotmail.com ;
– O prazo para recebimento se expira no dia 5 de março de 2017 (domingo) às 23h59.

Comentários do Facebook